Reportagens

FishingTur

Olha aí

Interativos

Anúncios



Pesqueiro Córrego das Antas – Uma fantástica pescaria de grandes pirararas e tambaquis na superfície

Local:  Pesqueiro Córrego das Antas  -  Glicério  -  SP
Data: 25 a 28 de junho de 2010  (Inverno)

Olá amigos

Aproveitando alguns dias de folga aqui em São Paulo, eu e meu pai, e resolvemos passar alguns dias no Córrego. Saímos de São Paulo na manhã de sexta-feira. O final de nossa viagem foi ouvindo o Jogo do Brasil x Portugal na Copa do Mundo 2010 pelo rádio do carro. Chegamos ao Córrego por volta das 12:30h, arrumamos as coisas no chalé, almoçamos e fomos pescar.

Decidimos ficar o restante da tarde do lado oposto ao restaurante bem no canto do lago. Fisgamos algumas carpas húngaras e tilápias até que o pessoal que estava em nossa frente jogou 1 saco de ração no meio do lago. No meio dessa ração eu engatei um belo redondo que nadou para a lateral do lago passando pela única plataforma, ou seja, tive que soltar um pouco a linha e sair correndo para não estourar tudo e o peixe acabou escapando, nisso o Marcio Brandão já estava brigando com outro redondo, fisgado com Bóia Torpedo Barão com chicote de 40cm com coquinho. Um belo Tambaqui.

 

Tambaqui - Marcio Brandão  -  15:51h

Tambaqui - Marcio Brandão - 15:51h

 

Depois disso apenas mais algumas carpas e pequenos pacus.  Acabando a ração, fomos para o aterro(lateral do lago) onde tinhamos a intenção de pescar a noite. Equipamentos armados e iscas na água. Eu estava com três equipamentos e o Sr. Adimir com mais três.

-Vara Pantaneira 150 libras  -  Carretilha Argus 600  -  Linha mono 0,91mm
-Vara Jaguar 100 libras Albatroz  -  Carretilha Black Max 50  -  Linha Mono 0,91mm
-Vara Altheza V 40 libras  -  Carretilha Abu Garcia  -  Linha mono 0,50mm
-Vara Manjuba 2,70mts Albatroz  -  Molinete  -  Linha 0,35mm

As iscas variaram:  Minhocoçu, Pirambóia, Tilápia, Salsiccha, Pão, Massa, Ração.

Armamos todas as varas de fundo e apenas um equipamento(o mais leve com molinete) com uma Bóia Torpedo Barão com chicote de 1,5mts de linha mono 0,45mm e anzol chinú 2/0 e a isca era minhocoçu. Este, arremessado a uns 20mts da margem. Rapidamente a bóia afundou porém a linha ficou parada. O Sr Adimir pegou a vara na mão e começou a recolher bem devagar e quando sentiu o peso travou e aí sim o bicho começou a correr. Uma corrida inacreditável. É impressionante como o peixe consegue esvaziar o carretel rapidamente. Mas como estávamos com um pouco mais de 100mts de linha 0,35mm, o peixe foi dominado e depois de muito trabalho a briga ficou a 30mts da margem por mais de 25 minutos até que a gigante resolveu encostar no barranco e mesmo assim eu tive muito trabalho para conseguir dominá-lo e arrastar o trem para a grama, isso com a ajuda do Sr, Adimir também.

Pirarara - Adimir - 16:34h

Pirarara - Adimir - 16:34h

 

Pirarara

Pirarara

Pensa em uma pessoa que estava reclamando do peso. Eu queria tirar mais fotos mas o Sr Adimir não estava aguentando mais segurar o peixe. Realmente era bem pesado. Infelizmente não tinhamos os equipamentos para poder pesar, mas o que valeu foi a briga. Não importa se tinha 35,  40  ou 45kg.  A briga no equipamento leve foi demais.

 

Pirarara - Adimir David

Pirarara - Adimir David

Assim que escureceu, novamente o mesmo equipamento e com a mesma isca deu resultado, desta vez a bóia afundou e a linha esticou rapidamente. Como já estava escuro, o que nos avisou do peixe foi o barulho da fricção do molinete. Mais uma briga forte e com grandes tomadas de linha. Briga para mais de 30 minutos e o Sr Adimir pedindo ajuda, pois o braço não aguentava mais. Abri uma latinha, sentei e fiquei dando risada dele que já estava quase de joelhos para conseguir segurar a vara rsssss rsssssss.

Quando ví o tamanho do peixe ao encostar na margem é que me dei conta da encrenca que estava na ponta da linha. Segurei pelas nadadeiras mas mal consegui tirar a cabeça dela para fora da água. Precisei me apoiar dentro da água para poder segura-la direito até que meu pai desceu e em dois conseguimos arrastar o peixe até o barranco. Esta era muito mais pesada do que a primeira. Eu não vou arriscar um palpite, mas certamente passa longe dos 35,..40kg….

 

Pirarara - Adimir  -  18:25h

Pirarara - Adimir - 18:25h

 

Pirarara - Adimir David

Pirarara - Adimir David

A essa altura o Sr. Adimir não aguentava segurar nem mais uma tilápia e ajoelhou rsrsrsrsrrsrs.

 

 

Pirarara

Pirarara

 

E para fechar a noite em um dos equipamentos que estava com salsicha a uns 5 mts da margem um enorme e escorregadio Bagre Africano apareceu.

 

 

Bagre Africano

Bagre Africano

Depois desse bagre resolvemos tomar um banho, fazer um churrasco e ir dormir.  A sexta-feira já tinha sido ótima e um bom descanso nos aguardava.

No sábado o pesqueiro recebeu muitos pescadores e poucos peixes foram fisgados durante o dia. Ficamos prá lá e prá cá batendo papo com o pessoal e fazendo grandes amizades. Um de nossos novos amigos, o Gustavo da cidade de Garça, a meu pedido, montou uma bóia torpedo com minhocoçu e com o barco, levou o equipamento no meio do lago. Não demorou muito e sua bóia afundou, depois de uma boa briga, um grande tambacu encostou na margem, mas como o passaguá estava quebrado foi difícil de segurar o peixe, até que tentamos, mas o bicho estava bravo e estourou tudo, indo embora.

Novamente do mesmo jeito outra vez a bóia afunda, o peixe até que vem fácil, ou nadava a favor, mas de repente o bicho dispara e toma a linha do molinete bruscamente enroscando nas linhas de outros pescadores que estavam do outro lado e acaba escapando.

Vocês poderão ver a tomada de linha no vídeo abaixo.

VÍDEO


Pirarara Tomando Linha…

 

Depos disso pela terceira vez a bóia afunda e depois de muita briga e de quase dar a volta no lago tirando o peixe dos enroscos, conseguimos retirar o troféu da água. Uma bela Pirarara que deu muito trabalho ao Gustavo.

 

Pirarara - Gustavo  -  15:23h

Pirarara - Gustavo - 15:23h

Pirarara

Pirarara

No final da tarde e com meio saco de ração no meio do lago, um outro amigo fisgou um belo peixe que também brigou demais. Este estava com um anzol de robalo e uma miçanga marrom a 40cm de profundidade.

 

Tambaqui

Tambaqui

Tambaqui  -  17:27h

Tambaqui - 17:27h

No sábado fomos dormir cedo, por causa do barulho pelas dezenas de pescadores que alí estavam, o peixe não queria saber de comer.

No domingão fomos direto para o lado oposto ao restaurante e passamos o dia fisgando muitas tilápias e dezenas de carpas húngaras e espelhos. No final da tarde, jogamos um saco de ração, porém fisgamos apenas alguns pacus e pequenos tambas.

 

Carpa Húngara

Carpa Húngara

Pacu

Pacu

Carpa Espelho

Carpa Espelho

 

Tambacu

Tambacu

 

Pacu

Pacu

 

A noite, apenas eu e meu pai estávamos no pesqueio. Já íamos indo dormir quando meu equipamento mais leve ( vara de 40libras com linha 0,50mm ) e que estava iscada com salsicha no fundo envergou demais tomando muita linha. Foi o tempo de confirmar a fisgada e ver a linha quase acabar. Não pensei duas vezes e me joguei prá dentro do barco. A linha já estava nas útimas voltas quando eu travei e o barco rapidamente começou a navegar muito rápido em direção ao final do lago. Fui recolhendo rapidamente a linha a medida que o barco ía em direção ao peixe até que consegui ficar bem em cima dele. A distância entre eu e o peixe era no máximo de 10mts. A essa altura o peixe resolveu continuar o passeio. Travei a vara, segurei o carretel com o dedo e deixei o peixe puxar o barco que navegou novamente para o meio do lago, indo de um lado para outro.

Depois de um bom tempo o peixe que já estava cansado, nadava apenas nas proximidades do barco, foi onde abri a fricção, e remei até a margem. Missão difícil, pois a cada dez metros remados, o peixe me puxava 20 contrário, mas eu cheguei lá  e rapidamente consegi trazer o peixe.  Um show de pescaria e uma briga para ficar guardada na memória.

 

Pirarara - Marcio David - 20:31h

Pirarara - Marcio David - 20:31h

Pirarara

Pirarara

Na segunda-feira acordamos tarde, tomamos o café e começamos a pescar já eram mais de 9h, o pesqueiro estava vazio, então decidimos ficar bem em frente ao restaurante, pois logo a tarde teria o Jogo do Brasil x Chile.

Peguei o barco para levar a bóia torpedo com minhocoçu lá perto do aterro, depois do meio do lago, onde tinhamos fisgados as grandes pirararas.  Eu estava sozinho no barco quando ví naquela parte do lago dezenas de grandes tambaquis na superfície tomando sol.  O barco praticamente batia neles e só assim é que eles se assustavam e saiam da frente.  Deixei a torpedo no local correto e voltei rápido para o barranco.  Armei mais duas varas com torpedos com poita e chicote de 2mts, um com salsicha e outro com pão e fui exatamente onde os peixes estavam.

Deixe a primeira bóia e depois de uns 15 metros deixei a outra. Voltei para a margem, sentei e fiquei observando.

Depois de uns 5 minutos um forte movimento na água leva o torpedo para o fundo (salsicha flutuando), eu apenas recolhi o excesso de linha e fisguei. Uma briga forte e pesada. Eu estava com uma Vara Kenzaki de 2,40mts, com Carretilha Brisa 8000 GTO e linha 0,36mm Triumph. Não precisei entrar no barco, pois o peixe colaborou. Afinal eu tinha levado a bóia a mais ou menos uns 80 metros da margem, restando apenas uns 20 metros no carretel. O peixe veio a favor e a briga foi até que tranquila. Ao chegar na margem percebi  que era um Tambaqui com mais de 25kg e que o anzol estava bem na pontinha da boca e não deu outra, na primeira cabeçada ele conseguiu se soltar e foi embora.

Não tem problema, armei novamente, só que agora com tripa de galinha com dois evas na linha para a tripa ficar na superfície. A bóia afundou e a briga foi boa e forte, mas ao chegar na margem o peixe correu de lado passando entre as 4 varas de nosso amigo Bruno que havia chegado a pouco. Para não enroscar todas as linhas, entrei no barco e fui passando por entre as linhas dele para tirar o peixe dalí e com isso o barquinho foi levado lá para o meio do lago onde acabei a briga. O difícil foi trazer o peixe e o barco a remo até a margem.

Veja o vídeo abaixo parte dessa briga.

VÍDEO


Briga com Tambaqui

 

Infelizmente estávamos em dois e ficaria dificil de fazer bons vídeos e titar o peixe da água.  Segue fotos do belo Tambaqui.

Tambaqui  -  Marcio  -  12:55h

Tambaqui - Marcio - 12:55h

Tambaqui

Tambaqui

E na sequencia, outra bóia afunda, mas agora uma briga mais tranquila e sem esforços extras e outro Tambaqui foi para a foto.

 

Tambaqui - Marcio  -  14:38h

Tambaqui - Marcio - 14:38h

Tambaqui - Córrego das Antas

Tambaqui - Córrego das Antas

 

Paramos para ver o Jogo do Brasil e no primeiro tempo do jogo, decidimos jogar 1/2 saco de ração no aterro, nesse meio tempo um outro pescador que tinha chego a pouco, fisgou uma boa pirarara.

 

Pirarara

Pirarara

E o pai do Bruno também fisgou um bonito tambacu com filé de tilápia no fundo.

 

Tambacu - Ary

Tambacu - Ary

Enfim, no aterro subiram muitos peixes, mas muitos mesmo. Estávamos todos com Bóia Barão Torpedo, com chicote de 40cm com miçangas caramelo e marrom. Fisgamos algumas tilápias e pacus até que minha bóia afundou e eu travei. O bicho ficou alí parado, em um verdadeiro cabo de guerra comigo. Quando eu começei a forçar um pouco mais ele resolveu correr tomando muita linha. Uma briga forte e nervosa, pois eu estava com chicote de linha mono 0,45mm e um pequeno anzol chinú n. 9. O medo de cortar a linha era muito grande, mas depois de uns bons 20 minutos o danado encostou no barranco e ficamos de boca aberta com o tamanho do peixe.

 

Tambaqui  -  16:41h

Tambaqui - 16:41h

Reparem na largura desse Tambaqui. Esse era muito grande e forte.

 

Tambaqui

Tambaqui

Tive muito trabalho para conseguir segura-lo e abraça-lo. Apanhei bastante desse peixe, quase fui a nocaute rsssssss

Tambaqui - Marcio David

Tambaqui - Marcio David

Tambaqui - Marcio

Tambaqui - Marcio

Tambaqui

Tambaqui

Tambaqui - Marcio

Tambaqui - Marcio

Tambaqui

Tambaqui

Olha só a largura desse animal……. Também não vou me arriscar em chutar o peso, mas…… foi meu Record em Tambaquis.

 

Tambaqui - Marcio David

Tambaqui - Marcio David

 

Logo na sequencia foi a vez do Bruno Cia fisgar o seu ainda na mesma ceva. O peixe veio fácil e só deu trabalho quando chegou na margem. O Bruno até pensou que fosse um pacu, mas depois que o bicho acordou ele viu a força !!!

Foi o primeiro Tambaqui do Bruno.

 

Tambaqui - Bruno Cia

Tambaqui - Bruno Cia

 

Depois desse peixe, olho para o lado e não ví a minha bóia que estava no meio do lago, a vara estava lá perto do restaurante. Não teve jeito, dei a volta no lago correndo e ao chegar a vara estava paradinha, a linha solta, mas a bóia estava passeando na superfície bem longe da margem. Eu recolhi o excesso e fisguei. O bicho disparou para o canto direito do lago e antes de ver o fim do carretel da Abu Garcia, chamei o Bruno e fomos prá dentro do Barco. O Bruno foi remando em direção ao peixe e eu recuperando metro a metro a linha perdida.

No meio do lago o peixe se rendeu um pouco, encostando no barco e aí vimos um gigantesco lombo negro, o que se tratava de um Tambacu bem grande. O Bruno tentava remar para a margem mas o peixe virava o barco, o Bruno remava e o peixe puxava. Depois de um bom tempo nesse cabo de guerra, abri a fricção para que o Bruno conseguisse ganhar alguns metros e assim chegar na margem. A essa altura e já em terra, o peixe ainda estava no meio do lago, apenas desfilando de um lado para outro. Literalmente esse peixe deu um show de pesca, de briga, força e resistencia.

Assista ao vídeo de uma pequena parte da briga com esse gigante.

VÍDEO


Briga com Tambacu

 

Depois de quase 40 minutos o grande redondo negro encostou na margem quase não cabendo no passaguá.

 

Tambacu - Marcio - 17:59

Tambacu - Marcio - 17:59

Do momento em que eu percebi que a bóia tinha afundado até o peixe ser retirado da água, foram exatos 42 minutos com uma Vara de 40 libras, e linha 0,50mm mono.

 

Tambacu

Tambacu

 

Tambacu - Marcio David

Tambacu - Marcio David

 

Tambacu

Tambacu

 

Tambacu - Marcio David

Tambacu - Marcio David

Batalha ganha, hora de tomar um banho e preparar um bom churrasco.

Alguns pescadores que chegaram no fim do dia, fisgaram alguns tambas ao lado do restaurante.

 

Tambacu - 18:11h

Tambacu - 18:11h

 

Tambacu  -  19:05h

Tambacu - 19:05h

O dia já tinha sido perfeito, então, apenas curti um bom churrasco com o Bruno, Adimir e o Ary e acompanhei o Bruno até as 2h da madruga.

 

Churrasco na beira do lago

Churrasco na beira do lago

Estávamos todos comendo um bom churrasco quando uma das varas do Bruno que estava iscada com uma Tilápia viva envergou. O Bruno travou e uma briga forte porém sem grandes corridas rendeu um bonito Tambacu de 23,800kg na balança digital.

Tambacu  -  Bruno  -  21:40h

Tambacu - Bruno - 21:40h

Tambacu

Tambacu

Tambacu

Tambacu

É impressionante a força e a largura que os redondos do Córrego tem, reparem:

 

Tambacu

Tambacu

Tambacu - Bruno

Tambacu - Bruno

O frio foi aumentado. O Sr. Adimir e o Ary foram dormir. Somente eu e o Bruno é que ficamos no lago.  Falei pro Bruno montar a torpedo com minhocoçu, pegar o barco e levar no mesmo ponto em que eu havia pescado. Dito e feito. A bóia afundou o peixe tomou muita linha, o Bruno teve que entrar no barco e foi sozinho pro meio do lago, ou melhor, a Pirarara é que puxou o barco até a outra margem. A briga foi demorada, pois no barco você fica pela vontade do peixe.

Ele leva o barco para onde quiser. Mas depois de um bom tempo e com o peixe dominado no meio do lago, o Bruno deixou a fricção um pouco mais solta e aos poucos conseguiu trazer o barco até a margem e acabar a briga em solo.

 

Pirarara - Bruno  -  00:35h

Pirarara - Bruno - 00:35h

Pirarara

Pirarara

Aproveitamos para pesar o peixe e mostrar para voçês a forma correta de se pesar os peixes, principalmente os peixes de couro.

 

Como pesar os peixes corretamente

Como pesar os peixes corretamente

Pirarara  =  32,600 Kg na balança

Pirarara = 32,600 Kg na balança

 

Já passava da 1h da manhã, o Bruno começou a recolher as varas para dormir quando em uma das varas tinha um peixe fisgado e assim que ele começou a recolher o peixe correu e mais uma briga para fechar a noite rendeu um bonito Tambacu. Este no pedaço de tilápia.

 

Tambacu - Bruno  -  1:50h

Tambacu - Bruno - 1:50h

Na manhã seguinte, tomamos um café e voltamos para São Paulo. O Bruno ainda iria ficar até o dia seguinte e segue mais algumas fotos de sua pescaria.

 

Tamba - Bruno

Tamba - Bruno

 

Pirarara - Ary

Pirarara - Ary

 

Pirarara - Bruno Cia

Pirarara - Bruno Cia

Nesta viagem também encontramos o Julio e a Marcia que sempre estão no Córrego das Antas.

 

Pirarara - Julio Basseto

Pirarara - Julio Basseto

 

Tambaqui - Marcia Ribeiro

Tambaqui - Marcia Ribeiro

 

Gostaria de agradecer ao Sr. Natio e a todos do pesqueiro. Aos amigos Gustavo, Guilherme, Marcio Brandão, Julio, Marcia e ao parceiro Bruno Cia e Ary.

Neste inverno, não deixe de fazer uma boa pescaria no Córrego das Antas.

Abraços

Marcio David

 

AGRADECIMENTOS

Pesqueiro Córrego das Antas
www.pesqueirocorregodasantas.com.br

Bóias Barão
www.boiasbarao.com.br

 

Massas Paturi
www.massaspaturi.com.br

Net Pesca
www.netpesca.com.br
.
.
.
.
.

 

 


Gostaria de receber as matérias por e-mail? Cadastre-se aqui!

42 Comentários

  1. Ricardo em julho 14th, 2010

    Bruno/Márcio, + uma pescaria sensacional!!!!
    Quero ir conhecer o Córrego no final de agosto.

    E nossa matéria do São Benedito?

    Abs.

  2. Alemao em julho 14th, 2010

    Grande materia Marcio, parabéns foi fisgado um numero grande de tambas gigantes mesmo meu parabens.

    Acho que nesta epoca é sem duvida uma das melhores oportunidades de pegar grandes peixes nesse pesqueiro em!

    Parabens em show de matéria.

    Abraços Alemão

  3. LIVIA ROBERTA RIBEIRO DA SILVA PESSE em julho 14th, 2010

    Obrigada mais uma vez por nos presentiar com as belas fotos tiradas desses belos peixes .Continuem sempre assim e QUE DEUS OS ABENÇOI.

  4. Bruno Cia em julho 14th, 2010

    Grande pescaria !!!

    Realmente este lugar é fantástico, mesmo no inverno, é garantia de boas ações, além do ambiente mais próximo do selvagem, boa estrutura e gigantes !!!
    Parabéns pela riqueza dos detalhes, a reportagem ficou muito explicativa.

    Abraços

  5. João em julho 14th, 2010

    Show hein Marcio…. bela pescaria, que tamanho de anzol vc usou?
    Esse tamba é maior que o record do Lago Azul?

    Abs
    João

  6. gabriel zara em julho 14th, 2010

    bela materia marcio me chamou a atençao a carretilha

    brisa GTO 8000 ela e boa ? eu tenho a brisa GTO 10000

    vc sabe se ela e boa ? queria ter uma opiniao sua !

    com uma brisa GTO 10000 e uma vara kenzaki de 2metros

    daria para pescar tambas no corrego o precisaria de

    vara maior ?

  7. Silvio em julho 14th, 2010

    Marcio,

    Excelente pescaria e excelente materia Brother… os videos ficaram Show!!

    Parabéns a você e a todos os participantes…

    Abraços,
    Silvio.
    Fishingtur

  8. Bruno Bonin em julho 14th, 2010

    Otima reportagem, parabens para todos os pescadores presentes, belos peixes……estou doido para conhecer o Corrego!!!!! tb com cada cada reportagem. Abraços.

  9. Marcio David em julho 15th, 2010

    Valeu Bruno Bonin. Vc disse que iria esse e nem foi heinnnnnn. Bruno Cia, valeu pela companhia e pela força com o barco no Tambacu.

    Nosso churras foi show. Mande abraços a seu pai.

    Marcio David

  10. Marcio David em julho 15th, 2010

    Gabriel

    Varas de 2,40 a 2,70 são ideais para um bom arremesso no córrego.

    Eu uso sempre carretilhas como a Brisa 8000, ou a 8000 GTO, ambas excelentes e com linhas mono 0,36mm

    Sem problemas.

    Abs

    Marcio David

  11. Marcio David em julho 15th, 2010

    João

    Esses tambas desta matérias tinhas de 28 a 35kg.

    Aquele do lago Azul tinha 39kg

    Abs

    marcio

  12. gabriel em julho 15th, 2010

    marcio quero te perguntar se a carretilha bisa GTO

    10000 é uma carretilha boa para a pesca de tambas

    com arremeços longos ? da para ser comparada com a

    sua brisa GTO 8000 ? abraços

  13. Marcio David em julho 15th, 2010

    Gabriel,

    A diferença é que a 10.000 tem 2 rolamentos a mais do que a 8.000.

    As duas são quase iguais e ótimas para esse tipo de pescaria.

    Abs
    Marcio

  14. NORTON DE BIASI em julho 15th, 2010

    show de bola essa sua pesca em!!
    em pleno inverno,grandes peixes saindo nesse pesqueiro que é fora de sério.
    to loko pra voltar lá,e pescar os grandes redondos e as briguentas pirarara.
    tava vendo outras reportagens e vi que soltaram pirarucus lá tbm?meu deus se for vdd,eu imagino as grandes brigas que vão vir pela frente!!
    um abraço!!
    parabens pela pescaria!!!

  15. gabriel em julho 15th, 2010

    ola marcio comoo disse o gabriel sobre a vara de 2,40 e 2,70 onde eu posso achala em um bom preco na regiao de sao paulo ou campinas? em cerca de R$ 100,00 a 150,00 ! abraços

  16. Tiago Zampolli em julho 15th, 2010

    Bela pescaria marcião!! preciso aprender as pirararas da ai !!! kkkkk só escapa!! mais bela materia mesmo parabens !!!

    Abraços

    Tiago Zampolli

  17. oswaldo em julho 15th, 2010

    marcio

    pescaria show cara muito peixe grande , seu adimir pegou varias piras grandes preciso ir com vcs um dia

    abraços
    oswaldinho

  18. Joao Luis Silva em julho 16th, 2010

    oi gostaria de saber c vai
    ta em dia bom dia 20 e 21 de julho
    semana pra
    i no corrego oque vcs acha

    abraço

  19. Fernando em julho 16th, 2010

    Blz Márcio???Parabéns pela pescaria.
    Tenho uma dúvida,moro aqui em Londrina -PR E QUERO MUITO IR NO CÓRREGO FAZER UMA PESCARIA,PORÉM,NÃO TENHO NEM NOÇÃO DE ONDE CONSEGUIR MINHOCOÇU POR AQUI…oNDE VC CONSEGUE??
    ABS.

  20. Rodolpho em julho 16th, 2010

    Bela pescaria!!
    to planejando faze uma igual só falta as carretilhas!
    A BLACK MAX 50 aguenta bem o tranco? é boa msm?
    Abraço!!

  21. Marcio David em julho 16th, 2010

    Fernando,

    Compro minhocoçu aqui em Americana, pretode Sp e levo prá lá. Em seu trajeto até o córrego não conheço nenhum outro lugar.

    Vc pode entrar em contato com o dono do pesqueiro e ver se ele tem lá ou se ele consegue encomendar pra vc.

    Abs

  22. Marcio David em julho 16th, 2010

    Rodolpho,

    A black max 50 dá tranquilamente para se fazer uma pescaria no córrego.

    Só para vc ter uma idéia, as duas pirararas grandes desta pescaria meu pai pegou com um molinete simples de +- 30,00 e linha 0,35mm mono, carretel de 4,00

    Deu trabalho, mas ele tirou.

    As vezes acho até demais usar uma black max. creio que uma Magna 5000, uma Calcutta 400, uma Fierro ou uma Abu, já dão conta do recado.

    Já chegeui a tirar pirarara boa com uma brisa 8000 e linha 0,36mm

    ou seja,…. Nada de exageros.

    Abs

    marcio

  23. Rafael Camargo em julho 17th, 2010

    Parabens galera do Fishingtur…..se Deus quiser semana que vem esterei no Corrego…

    Abraços

    Rafael Camargo

  24. Luiz Fabiano em julho 20th, 2010

    Parabéns pela reportagem Marcio, belos bichões e ótima materia, como sempre vcs se superam, mas eu realmente rachei o bico de gargalhar ao ler seu relato sobre o seu pai c/ a pirarara kkkkk…meu sinceros parabêns a ele, sempre leio o site e aprendi varios macetes que deram cert, principalmente porque sou “verde” na pesca esportiva, um abraço…

  25. Luiz Fabiano em julho 20th, 2010

    Aproveitando, fui convidado a ir pescar no castelinho, como não tenho equipamento para as pirararas de lá gostaria de montar uns dois, me ajuda ai ? achei uma carretilha da mesma que vc utilizou ( black max 50) por um preço ótimo, mas gostaria de umas dicas, fico no aguardo um grande abraço a todos.

  26. Lucas Rodrigues em julho 21st, 2010

    Ai sim hein Marcião, um relato como a muito tempo eu nm via, com videos e muito bem narrado.

    Abraços

  27. Rodrigo – Equipilla em julho 22nd, 2010

    Márcio, execelente Pescaria!!! Parabéns

    Estarei indo pela 1ª vez no corrégo no feriado de setembro com alguns amigos, frequento muitos pesqueiros aqui em SP como Pantanosso, Taquari, Tio Oscar, tenho execelentes resultados com miçangas (Caramelo, Amarela, branca etc) Para esta pescaria de Tamba o mesmo sistema tbm funcionada no córrego ???
    Abraços

    Rodrigo

  28. Eric em julho 26th, 2010

    queria saber se tem q fazer reserva para ficar la uns 3 dias, sou amigo do edson (bocao ) abraco parabens pelas materias valeussssss.

  29. Dário Henrique Amorim em julho 28th, 2010

    fala cara! pode me responder se com carretilha titan e 110mm de linha multi,da pra pegar os tambas ? porque me disseram ue tem que ter uns 150mts de linha , porque o peixe leva tudo?pode me esplicar?
    obrigado!

  30. Silvio em agosto 3rd, 2010

    Eric e Dario, o Marcio está em viagem, assim, vou tentar ajudar com os questionamentos:

    Eric: O ideal para ficar nos Chales é fazer reserva sim, inclusive com boa antecedência (30 dias), visto que, a quantidade de quartos é pequena e a procura grande, principalmente nos finais de semana. Finais de semana prologados então……!!

    Dário: A Carretilha Titan com 110m de multifilamento de 30 lbs dá conta do recado para os Tambas sim. Costumeiramente pescamos lá com linha mono 0.40 mm e 100 metros na carretilha. O que fará diferença e você deve levar, são as varas com tamanho de 2.40 e 2.70 m, para arremessos longos de até 60/65 metros. O que sempre ocorre, é entrar um boa Pirarara na vara de tamba, aí.. o bicho pega.., mas mesmo assim se ela não brigar muito “sujo” sai para foto também.

    Espero ter ajudado e demais dúvidas fico a disposição.
    Silvio.
    Fishingtur.

  31. gabriel em agosto 5th, 2010

    ola marcio quero saber se com uma brisa 10000e uma vara 2,00 15 a 40 lb daria para pescar tambas no corrego e no lago azul ? qual seria a melhor linha para arremeço mono ou multi e qual seria a a espeçura em mm ? obrigado

  32. Felipe Gouveia em agosto 13th, 2010

    Linda pescaria!
    Só beldades de peixes.
    Pirararas excelentes…
    Que isso heim!?
    Só pesqueiros, show de bola, aqui no Fishingtur.
    Parabéns a todos, presentes, na matéria.

  33. Dário Henrique Amorim em agosto 20th, 2010

    blz,
    obrigado silvio por responder.
    queria saber se voçês usam para pesca de pirarara anzol encastroado ou lider de fundo e na boia ? e de que tamanho usam os azois?
    obrigado por responder!

  34. claudio em agosto 25th, 2010

    OLA grande Marcio se possivel passe pra mim o preço da diaria lá valeu aquele abraço mano lindas materias show nota 1000 claudio

  35. Silvio Fishingtur em agosto 25th, 2010

    Dario, que isso amigo, estamos aqui para ajudar.

    De fundo eu utilizo encastoado de 10 cm. e sem lider, ou seja, a linha principal direto no Girador com anzol 6/0 e 7/0 tipo maruseigo haste longa.

    De boia para as Piras utilizo apenas o chicote formado de linha 060 mm e anzol 4/0 e ou 5/0, também de haste longa modelo maruseigo.

    Claudio,

    O valor para ficar hospedado no chale é de R$70,00 a diaria. O chale comporta até 4 pessoas e tem direto a Café da Manhã. Para acampar levando Barraca o valor é R$10,00 o dia por pessoa.

    Além desses custos você terá a taxa de pesca diurna que estava R$23,00 e a taxa de pesca noturna no valor de R$15,00 por pescador.

    Demais dúvidas estamos por aqui a disposição.

    Grande abraço,
    Silvio
    Fishingtur.

  36. serginho em setembro 9th, 2010

    Olá Silvio, como estão as coisas?
    Nessa matéria vcs fizeram dois belos churrascos. Mas no chalé não tem frigo-bar; onde vcs guardam as carnes? tem algum esquema p/ guardar no pesqueiro, ou vcs compram no dia.
    grande abraço
    Serginho

  37. matheus machado em setembro 11th, 2010

    marcio o tambacu do video , q vc foi de barco , tinha quantos kg ??

  38. leonardo luis em abril 9th, 2011

    olá marcio
    quis foram os equipamentos usados nessa pescaria?
    posso usar tranquilamente a brisa 10.000 gto no corrego?

  39. leonardo luis em abril 10th, 2011

    olá marcio, primeiramente parabens pela otima pescaria.
    voce acha que com uma brisa 10.000 gto consigo pescar os grandes redondos do corrego?

  40. Leonardo em abril 10th, 2011

    olá marcio, primeiramente parabens pela otima pescaria.
    eu posso usar tranquilamente uma brisa 10.000 gto no corrego para os grandes redondos? e uma titan 4000? aguenta o tranco? eu possuo uma mas tenho receio de usar

  41. felipemarques em março 12th, 2012

    no pesquero vende tuvira e minhocoçu

  42. Fernando Fishingtur em julho 14th, 2014

    Leonardo, pode utilizar sim, sem problemas!


Fatal error: Call to undefined function show_subscription_checkbox() in /home/storage/b/dc/e9/fishingtur/public_html/wp-content/themes/ad-clerum-10/comments.php on line 101
xxxx