Reportagens

FishingTur

Olha aí

Interativos

Anúncios


Pesqueiro Novo Anhanguera – Como sempre, a certeza de uma boa pescaria

Local: Pesqueiro Novo Anhanguera – São Paulo – SP
Data: 25 de maio de 2011

Olá Amigos

No início deste inverno, estive no pesqueiro de nosso amigo Jorge, o Novo Anhanguera, localizado no km 24,5,sentido capital da Rodovia Anhanguera, um dos pesqueiros mais próximos da capital paulista e sem pedágios pelo caminho, o que hoje faz muita diferença no custo final de seu passeio.

Cheguei por volta das 6:45h e logo já estava na beira do lago. Resolvi ficar bem no meio do lago e logo nosso amigo e leitor Maki, já tinha chego e ficado a meu lado. A manhã estava bem fria e vagarosamente fui montando meus equipamentos.

Montei três conjuntos:

Vara 25 libras
Carretilha Brisa 8000 – Marine Sports
Linha mono Triumph 0,36mm

Vara 20 libras
Carretilha Curado 201 – Shimano
Linha mono Super Laiglon 0,37mm

Vara 20 libras
Carretilha Lubina Black Max – Marine Sports
Linha multi 50 libras

Dois equipamentos eu montei para a pesca de fundo, um com uma pequena chumbada e o outro apenas com o chicote, sem o chumbo. O terceiro equipamento estava com uma pequena bóia de arremesso, chicote de 1mt de linha 0,40mm e anzol chinú n. 9.

Os dois chicotes para a pesca de fundo estavam com linha mono 0,50mm e anzol Marine Sports modelo 12146 4/0, anzol bem semelhante ao chinú, mas um pouco maior.

Optei em ir em busca dos tambacus, então fiz a Massa Carnívora Especial do Pesqueiro, fiz duas coxinhas grandes e arremessei no meio do lago. Depois de algumas beliscadas, fiquei com a vara em punho e assim que o peixe carregou a isca eu fisguei, mas foi em vão, desta vez o peixe foi mais rápido. Fiz outra coxinha e arremessei novamente. Agora peguei a outra vara que também estava beliscando e assim que o peixe mexeu na isca eu fisguei e esse sim estava fisgado. Uma briga rápida e com grandes corridas em direção a margem, me forçando a recolher rapidamente a linha, mas fi bem ali que a briga realmente começou, o peixe não se entregava nunca, ía de um lado para outro, subia e descia, rebojava e só depois de muita insistência é que ele se entregou. Um bonito tambacu.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio David

 

O Maki estava literalmente apanhando dos peixes e perdendo muitas fisgadas, é que nesta época fria os Curimbas ficam muito ativos, beliscando demais as massas e atrapalhando um pouco a pescaria. Coloquei um pouco de essência de milho verde em uma pelota de massa e o Maki mandou para a água e não demorou muito e a varinha envergou a toda velocidade e a fisgada foi certeira. Mais uma vez uma briga bem próxima a margem até que o peixe se entregou.

 

Tambacu

Tambacu

 

Na parte da manhã os peixes ficaram muito, mas muito manhosos e dezenas de fisgadas foram perdidas. O proprietário Jorge me levou até o lago de engorda, onde fisgamos muitos Jundiás-Onça, os quais ele está engordando para a próxima temporada. Foi bem divertido e com certeza vai ser mais uma espécie nobre nas águas do novo Anhanguera.

No decorrer do dia e com o sol esquentando os peixes foram ficando um pouco mais ativos, voltei ao sistema de massa no fundo e acabei fisgando mais um tambacu, isso sem falar nas muitas outras fisgadas perdidas.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio

 

No equipamento que estava com a bóia, coloquei um pedaço de pão que ficou flutuando e quando vi minha vara estava envergada e a bóia tinha desaparecido. Fui contente pensando que era um tambacu, mas a briga estava leve e na superfície e aí então percebi o brilho prateado na superfície, denunciando ser uma bonita carpa capim.

 

Carpa

Carpa Capim - Marcio

Continuando com as varas de fundo e manhosamente, fisguei outro tamba. Pense em um dia em que o peixe estava com preguiça até de comer, a vara praticamente não se mexia, apenas a linha é que ora esticava, ora ficava frouxa, aí era a hora de ficar com a vara em punho e fisgar exatamente na hora certa.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio

Assim que as beliscadas nas massas paravam eu arremessava o pão flutuando e sempre com boas ações. Depois de perder alguns peixes, engatei outra carpa.

 

Carpa Capim

Carpa Capim - Marcio

O vento estava forte, dificultando a pesca com a bóia e atrapalhando muito a pesca de fundo que estava sem a chumbada, pois o vento carregava a linha não dando para perceber quando o peixe estava beliscando, o jeito foi colocar também uma pequena chumbada. Apenas uma pequena chumbada para segurar e manter a linha mais esticada. Aqui no Novo Anhanguera não se pode usar grandes chumbadas, pois o peixe é manhoso, o ideal é não usá-las ou a menor possível.

Na sequencia ainda fisguei mais três tambacus, porém todos escaparam nas rebojadas perto da margem, ou por azar, ou por estar sem farpas, facilitando a fuga do peixe, isso é inevitável. Mas um deles eu consegui trazer.

Tambacu

Tambacu

Percebi um bom movimento na superfície, e como o vento tinha parado comecei a pescar com a salsicha flutuando. Coloquei um anzol de blackbass direto na linha da carretilha e estava iscando 1/3 de salsicha. Depois de alguns ataques de douradinhos e matrinxãs, minha linha esticou e depois da fisgada um bonito salto dourado no meio do lago. É impressionante como a adrenalina vai a mil quando se fisga um dourado, seja de qual tamanhos for, e como eu estava com o anzol direto na linha 0,37mm, tinha a companhia do medo de cortar a linha por toda a briga. Mas a sorte estava ao meu lado e o belo animal veio para a foto.

Dourado

Dourado - Marcio

Dourado

Dourado

Dourado

Dourado

Desmontei então as varas de fundo e fiquei somente com a salsicha flutuando e com a torpedo com chicote de 1mt. E foi na torpedo com massa carnívora que eu fisguei mais um tambacu. Na verdade quando eu vi, a vara já estava envergada, pois eu estava prestando atenção na salsicha flutuando.

 

Tambacu

Tambacu

 

Arremessei novamente a torpedo com massa e continuei com a salsicha flutuando também, mas desta vez vi quando a bóia foi deitando lentamente. Deixei a vara com a salsicha no suporte, peguei a outra, fisguei e o bicho estava preso. Este brigou no meio do lago e quando chegou na margem já estava vencido. Um bonito Pacu de bom tamanho.

 

Pacu

Pacu - Marcio

 

No finalzinho da tarde, o Jorge estava alimentando os peixes quando eu arremessei a salsicha no meio da “muvuca”, mas não deu tempo nem de pensar e a linha esticou e o douradão pulou mais de 1 metro fora da água, um show de imagens até se entregar.

 

Dourado

Dourado

Já estava praticamente escuro quando outra explosão garantiu uma boa briga com grandes corridas até que o peixe se entregou. No início e por estar com a salsicha, pensei que era um pintado, mas não, era um bonito Tambacu.

 

tambacu

Tambacu

 

Alguns dias depois, Eu, Giorgio e o Saulo, retornando de uma visita a outro pesqueiro, resolvemos fazer uma visita ao Jorge para comermos o famoso Pastel de Tilápia e como o vício da pesca fala mais alto, aproveitamos para pescar um pouco e mostrar mais alguns exemplares.

Estávamos com apenas um equipamento cada um e usamos como isca a salsicha e ração. Logo que chegamos fisguei uma gorda carpa espelho na ração de fundo.

Carpa Espelho

Carpa Húngara - Marcio

O Giorgio deixou uma salsicha flutuando bem próxima a margem na lateral do lago e foi fatal, irresistível para o faminto pincachara.

 

Pincachara

Pincachara - Giorgio e Marcio

Na sequencia, outra carpa espelho na ração de fundo e mais um pincachara na salsicha flutuando na margem.

 

Carpa

Carpa Espelho - Giorgio

Pincachara

Pincachara - Giorgio

O Saulo fechou a tarde com um catfish no lago de tilápias do Novo Anhanguera.

 

CatFish

CatFish - Saulo

Agradeço ao Jorge pela amizade e toda a força com o Fishingtur,

Abraços

Marcio David

 

AGRADECIMENTOS

Pesqueiro Novo Anhanguera
Tel.: 11 3911 6872

Bóias Barão
www.boiasbarao.com.br

Massas Paturi
www.massaspaturi.com.br

Net Pesca
www.netpesca.com.br

Império da Pesca
www.imperiodapesca.com.br
.
.
.
.
.

 

Add to Del.cio.us RSS Feed Add to Technorati Favorites Stumble It!
   www.sajithmr.com

Bookmark bookmark bookmark bookmark bookmark bookmark

Share This Post


Gostaria de receber as matérias por e-mail? Cadastre-se aqui!

Sem comentários

Comments are closed.


xxxx