Reportagens

FishingTur

Olha aí

Interativos

Anúncios



Pesqueiro Novo Anhanguera – Uma pescaria de cansar o braço de tantos peixes

Local: Pesqueiro Novo Anhanguera  -  São Paulo – SP
Data: 13 de dezembro de 2010

 

Olá Amigos

Eu e o Felipe decidimos ir fazer uma pescaria no Pesqueiro Novo Anhanguera, pesqueiro de nosso amigo Jorge. Chegamos por volta das 6:45h e as 7h já estávamos  na beira do lago. Prá quem não frequenta o Anhanguiera a tempos, toda a margem do lago foi refeita como vocês podem observar na foto abaixo, trazendo muito mais comodidade ao pescador.

 

Novo Anhanguera

Novo Anhanguera

Vou começar mostrando os equipamentos usados:

Vara Twister FTW 661C – 12-20lbs – 1,98mts – Abu Garcia
Carretilha Brisa 3000 GTO – Marine Sports
Linha Mono Max Force 0,37mm – Daiyama

Equipamento de Pesca

Vara Twister e Carretilha Brisa 3000 GTO

 

Vara Xenon XRC 6025 – 1,82mts – 10-25lbs – Rainbow
Carretilha Brisa 8000 GTO – Marine Sports
Linha mono Triumph 0,36mm

 

Equipamentos de Pesca

Vara Xenon e Carretilha Brisa 8000 GTO

Vara Infinity II  SHX-3  -  1,98mts – 10-25lbs   -  Fleming
Carretiha Vivax VX 1001   -  Argus
Linha mono Max Force  0,37mm – Daiyama

 

Equipamento de Pesca

Vara Infinity e Carretilha Vivax

Começamos o dia usando a Massa Especial do pesqueiro. O equipamento foi montado com uma pequena chumbada solta na linha, girador, chicote de 30cm de linha mono 0,50mm e anzol 2/0. Usamos pelotas grandes de massa no meio do lago.  Mas em outro equipamento, usei um pedaço de salsicha no fundo e arremessei na margem, cerca de 1,5mts da margem e rapidamente a vara envergou e depois de uma boa briga um Tambacu veio para nos dar bom dia.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio David

Depois a massa no meio do lago deu resultado. As vezes o peixe pegava de vez e envergava a vara, mas em certos momentos ficavam apenas beliscando, sendo necessário  ficar com a vara na mão e fisgar.

 

Tamba

Tambacu - Marcio

Tambacu

Tambacu - Marcio David

Tambacu

Tambacu - Felipe

O Felipe resolveu então usar filé de peixe. Com a vara no suporte, na vertical, ele iscou o filé e jogou na água, bem encostado na margem para poder lavar as mãos e arremessar, mas não deu tempo, um bote certeiro literalmente fez sua vara explodir em 4 partes. E mesmo assim, ele conseguiu brigar com o peixe e com os pedaços da vara. Era uma bonita cachapira.

 

Cachapira

Cachapira - Felipe

Como a vara estava na vertical e o peixe puxou para baixo, a vara foi quebrando. Se ela estivesse mais inclinada, isso não iria acontecer, mas quem iria imaginar que o peixe fosse bater alí, tão rápido.

Olha só o resultado dessa brincadeira e o estado da Vara Daiwa.

 

Vara de Pesca

Pedaços da vara.........

Bom, depois de muitas risadas voltamos a pescaria, com massa de fundo no meio do lago ou filé e guelra de peixe mais próximo a margem.

Os redondos foram aparecendo aos poucos, mas quem realmente fez o papel principal foram as pirararas.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio

Pirarara

Pirarara - Felipe

Pacu

Pacu

Pirarara

Pirarara - Felipe

Tambacu

Tambacu - Felipe

Montei um outro equipamento, este com uma vara mais leve, porém com uma linha mais pesada, para segurar as Pirararas que estavam com muita força e dando um baile em todos nós.

Vara Pirangi C  1401  -  1,40mts   -  Albatroz Fishing
Vara de ação leve de fibra de vidro maciça
Carretilha Callisto CSO 100  -  Shimano
60mts de Linha Raiglon 0,55mm

Dessa maneira consegui segurar melhor as pirararas que antes facilmente estavam estourando as linhas 0,37mm.

Pirarara

Pirarara - Vara Pirangi - Marcio

Pirarara

Pirarara - Felipe

Pirarara

Pirarara

Um outro amigo e leitor do site que estava pescando ao nosso lado também fisgou seus peixinhos.

 

Pirarara

Pirarara

Tambacu

Tambacu

Notando alguns grandes peixes na superfície bem na lateral do lago, fui dar uma olhada de perto e ví que eram grandes pintados. Voltei, montei um equipamento com salsicha flutuando e depois de uns 3 arremessos consegui engatar um belo exemplar.

 

Pincachara

Pincachara - Marcio David

E os peixes não deram trégua até o final do dia. Bastava ter linha na água para se ter uma ação.

 

Pirarara

Pirarara

 

Tambacu

Tambacu - Marcio David

 

Pirarara

Pirarara

 

Tamba

Tambacu

 

pirarara

Pirarara - Marcio

 

Pirarara

Pirarara

As 16h o tempo fechou de vez e um  forte vento  anunciou que nossa pescaria estava próxima do fim, mas os peixes continuaram saindo.

 

Tambacu

Tambacu - Felipe

Tambacu

Tambacu

Pirararas

Pirararas

Carpa

Carpa Espelho

As 16:30h comçou a chover, primeiro alguns pingos, mas nem demos importancia e continuamos pegando alguns peixinhos, mesmo que as fotos fossem tiradas debaixo do guarda-sol.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio

E quando a chuva realmente chegou, duas varas resolveram envergar ao mesmo tempo. Tudo aconteceu muito rápido, a chuva, o vento, o peixe…..

Tentamos ainda tirar a última foto com os dois peixes mais foi bem dificil, pois o vento estava tão forte que o guarda-sol virou ao contrário, as latinhas de refrigerante, que estavam cheias voaram do banco. Os óculos do Felipe foram para dentro da água e as tralhas estavam ficando ensopadas. Foi o tempo de tirar a foto de qualquer jeito e correr para o restaurante.

 

Tambacus

Tambacus - Marcio

Vocês não imaginam o temporal que caiu neste dia. O jeito foi esperar a chuva diminuir, arrumar as tralhas e ir embora.

 

Chuva

Chuva

Temporal

Temporal

 

Gostaria de agradecer ao Jorge e a todos do pesqueiro.

Abraços

Marcio David

AGRADECIMENTOS

Pesqueiro Novo Anhanguera

Massas Paturi
www.massaspaturi.com.br

Bóias Barão
www.boiasbarao.com.br

Net Pesca
www.netpesca.com.br
.
.
.
.
.

 

 


Gostaria de receber as matérias por e-mail? Cadastre-se aqui!

Sem comentários

Comments are closed.


xxxx