Reportagens

FishingTur

Olha aí

Interativos

Anúncios



Pesqueiro Pantanosso – Um fim de ano com os gigantes do Panta em uma ótima pescaria

Local: Pesqueiro Pantanossoo  -  Mairinque – SP
Data: 23 de dezembro de 2010

Olá Amigos,

Nossa equipe decidiu fazer mais uma reportagem no Pesqueiro Pantanosso, na cidade de Mairinque. No dia anterior liguei para o Itamar para saber se o peixe estava bem ativo ou não, e a resposta foi um tanto quanto animadora. De imediato começei a arrumar as tralhas, coloquei linha nova nas carretilhas e fiz a ração na pinga.

No dia seguinte saímos(eu e o Sr. Adimir) de casa as 4h da manhã, paramos como de costume na estrada para um bom café e chegamos na porta do Pantanosso as 5:15h e fomos o primeiro carro a chegar. Chegamos cedo para poder pegar a primeira plataforma.

As 6:30h em ponto o Itamar abriu o portão e mesmo com a grande fila de carros o desembarque é super tranquilo, pois na fila cada carro já recebe a senha(número da plataforma pretendida) e assim pode-se encaminhar sem correrias até o local. Fato que não acontece em outros pesqueiros.

Depois de já alojados na plataforma 1 começamos a montar os equipamentos. Primeiramente com uma Bóia Torpedo Barão com chicotinho de 50cm e ração na pinga. Nisso o Robson também já havia chegado.

Logo de cara o Sr. Adimir já fisga o primeiro exemplar.

 

Tambacu - Adimir

Tambacu - Adimir David

Notamos que os peixes estavam na superfície, então abandonamos a torpedo e partimos para as Bóias cevadeiras Barão. Mal começamos a cevar e grandes explosões já estavam acontecendo perto do mato. Depois de algumas copadas, vimos dezenas, eu disse dezenas de peixes nadando e comendo os restos de ração que caiam bem perto da plataforma. Eram os novos pintados. Recentemente foram soltos 570 pintados(pincacharas) com média de 3,5kg. 

Montei rapidamente uma vara com molinete e um anzol direto na linha, arremessei 1/3 de salsicha flutuando e foi fatal, linha esticada.

 

Pincachara - Pesqueiro Pantanosso

Pincachara - Marcio David

Quem quiser fazer uma boa pescaria de pintadinhos e ainda ter a possibilidade de fisgar os antigos pintados que podem ultrapassar os 20kg, essa é a hora aqui no Pantanosso. Eu parei de pescar os pintadnhos pois o nosso foco eram os grandes tambacus.

Segue abaixo os equipamentos usados:

Vara Pampo 3 mts  -  Albatroz Fishing
Carretilha Brisa 8000 – Marine Sports
Linha 0,37mm Super Laiglon International

Vara Pampo 2,40 mts  -  Albatroz Fishing
Carretilha Brisa 8000 GTO – Marine Sports
Linha Max Force 0,37mm – Daiyama

Vara Pampo 2,40 mts  – Albatroz Fishing
Carretilha Titan 4000  -  Marine Sports
Linha Triumph 0,36mm

Vara Manjuba 3mts – Albatroz Fishing
Molinete 4000  -  Maruri
Linha 0,37 Super Laiglon International

Nas bóias cevadeiras estávamos com chicotes de 1,5 a 2 mts de linha monofilamento 0,40mm ( Asso Super ), bóinha e anzol de robalo com 2 eva’s e uma miçanga, de cores variadas.

Logo pela manhã eu fiz uma bonita sequencia de fisgadas e consegui trazer dois belos tambacus nesse esquema. O primeiro na cor marrom e o segundo com o eva cor de telha e a miçanga vermelha.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio David

Tambacu

Tambacu - Marcio David

O Sr. Adimir, usando eva e miçanga caramelos, travou uma boa briga com outro grande tamba.

 

Pantanosso Pescarias'

Tambacu - Adimir

Até um bonito Pacu brigou muito….

 

Pacu

Pacu - Marcio

O Robson demorou, mas quando engatou foi uma briga excepcional. O peixe correu para todos os cantos do lago e foi por muita sorte que não estourou tudo no mato, Um bonito exemplar de 20kg na balança.

 

Tambacu

Tambacu - Robson Dantas

Pantanosso

Tambacu - Robson

Assim que minha bóinha afundou, fisguei forte, mas o peixe não correu, apenas algumas rabadas para fora dá água, ou seja, uma carpa capim, uma bonita capim por sinal.

 

Carpa Capim

Carpa Capim

E até um pintadinho foi fisgado na bóia cevadeira com os eva’s.

 

Pincachara

Pincachara - Robson

O Sr. Adimir engatou outro belo redondo nos eva’s.

 

Pantanosso

Tambacu - Adimir

E ao fundo o Robson estava brigando com outro bonito exemplar.

 

Tambacu

Tambacu - Adimir ( Ao fundo, Robson com outro peixe)

Pantanosso

Tambacu - Robson

Tambacu

Tambacu - Robson

Eu fisguei 3 peixes seguidos, 3 grandes peixes. Dois deles não tive tempo nem de pensar e o mesmo já estava dentro do mato estourando minha  linha. O outro eu fisguei a sai correndo para tras, tentando tira-lo do mato. Até que eu consegui traze-lo até o meio, mas sem hesitar, o peixe nadou rapidamente, fritando meus dedos em direção ao mato novamente. Tentei segurar mas a linha acabou estourando, ou seja, mais um dos gigantes do Pantanosso.

Mais uma vez no EVA e Miçanga Caramelo, o Sr, Adimir fisgou  mais um grande redondo. O peixe agora, estava comendo uns 5 metros antes do mato, o que facilitou um pouco a briga.

 

Tambacu

Tambacu - Adimir

E depois de muito perder peixe, consegui travar um belo redondo. Na fisgada a bóia simplesmente ficou de ponta cabeça e o peixe travado embaixo. Sinal de um grande redondo. Lentamente ele começou a nadar de um lado para outro, sem grandes corridas. Uma briga calma e pesada. O peixe até que veio fácil, mas ao chegar a uns 3 metros da plataforma, bastou uma rebojada para ele ir novamente lá para o meio do lago, e isso se repetiu algumas vezes. Mas como ninguém é de aço, aos poucos ele se rendeu e um grande tambacu veio pro colo.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio

Tambacu

Tambacu

Pantanosso

Tambacu - Marcio David

Soltei esse belo peixe, refiz o eva e arremessei no mesmo ponto e o primeiro peixe que subiu, deu uma grande explosão na superfície fazendo desaparecer a minha bóia cevadeira, ou seja, Craaauuu!!!!!!!!!!!  Fisgada nele. O bicho ficou desesperado cortando o lago margeando o mato e eu com o dedo travando o carretel. Ele foi parar quase em frente a plataforma 4 até que resolveu parar, virar e voltar brigando muito. Esse ao contrário do anterior brigou muito o tempo todo e quando chegou na plataforma deu no mínimo umas 10 rebojadas antes de entrar no passaguá.

 

Tambacu

Tambacu - Marcio David

Tambacu

Tambacu

Tambacu

Tambacu - Marcio

Tambacu

Tambacu - Marcio David

 

No final da tarde alguns jovens pescadores ficaran admirados com o tamanho dos peixes que estávamos pegando e ficaram por ali, e não perderam a oportunidade de fazer parte de nossas fotos com os amigos.

 

Pantanosso

Tambacu - Marcio

Pantanosso

Tambacu - Adimir

Pense em um dia em que o peixe se manteve ativo das 7 as 18h sem parar. Foi ação o tempo todo, a cada arremesso. Essa pescaria no Pantanosso é a pescaria que chamo de(O dia perfeito). São raras as vezes que fazemos pescaria em que o peixe ficasse tão ativo assim, realmente foi muito legal, muito divertido e lógico, muito cansativo.

Segue mais alguns peixes para fechar o dia.

 

Pacu

Pacu - Robson

Tambacu

Tambacu - Marcio

Pacu

Pacu

Tambacu

Tambacu - Marcio David e Robson Dantas - Fishingtur Pesca e Turismo

Gostaria de agradecer a Luis pela confiança e amizade e em especial ao Itamar que hoje é um grande amigo que sempre nos recepciona muito bem com um ótimo atendimento, uma boa comida e longos bate-papos.

Um forte abraço

Marcio David

AGRADECIMENTOS

Pesqueiro Pantanosso
www.pantanosso.com.br

Bóias Barão
www.boiasbarao.com.br

Massas Paturi
www.massaspaturi.com.br

Net pesca
www.netpesca.com.br
.
.
.
.

 


Gostaria de receber as matérias por e-mail? Cadastre-se aqui!

12 Comentários

  1. Robson em janeiro 4th, 2011

    É sem comentários. Pescaria igual essa no pantanosso fazia tempo…

    Poucas bóias perdidas, ação o dia todo, vários baguás. Vai ter próxima :D

  2. dico em janeiro 4th, 2011

    bela pescaria grandes peixes parabêns
    dico.

  3. Julio em janeiro 5th, 2011

    o dificil é acreditar que as 5:15 vcs ainda eram o primeiro carro..

  4. Marcio David em janeiro 5th, 2011

    É mesmo Julio

    Quando estávamos chegando, pelo horário pensei que já fosse ter uns 5 carros no mínimo, mas não tinha ninguém, para nossa surpresa e sorte rsrsrrss

    Abs

    Marcio

  5. Gabriel Zara em janeiro 7th, 2011

    Marcio

    estou com uma duvida de como montar um anzol com EVA, eu queria saber se qnd vc for colocar um eva ter que se no olho do anzol, ou tem que colocar o eva em um chicotinho da barao ?

    abracos

  6. alemão em janeiro 7th, 2011

    Marcio parabens pela materia no pantanosso ficou 10, mais só tem mais materia de pesca de tamba ai no FishingTur. É as materia de carpa E OS paturi não estão pescando mais carpa viraram pacuzeiro tb aveeeeeeee!!!! abraços amelemão carpeiro!!!!!

  7. Marcio David em janeiro 8th, 2011

    Alemão, no mesmo dia que eu coloquei essa matéria do Panta, coloquei também uma matéria de carpa que o Paturi fez no Arujá. Está na Home.

    Abs

  8. Gabriel Zara em janeiro 12th, 2011

    oi equipe fishingtur ! eu quero pescar no pantanosso so que estou com um pouco de duvida do meu equipamento! tenho uma vara de 35 lb de 2,40 uma carretilha brisa gto 10000 com linha 0.35mm da camou line e boia cevadeira gigante ! e queria saber se daria para pescar nesse reduto de gigantes com esse equipamento ?
    meu arremesso e longo, mais eu nao sei se consigo chegar la na margem do outro lado ! eu consigo passar da ilha do santo antonio ! mais nao sei se e suficiente! com a distancia da ilha do pesqueiro santo antonio, da pra chegar la na margem do pantanosso ou preciasa ser mais distante !

    Essa materia foi nota 10

    Abracos

  9. Julio em janeiro 12th, 2011

    marcio, a plataforma que vcs ficaram é a P1 né? mas da entrada do pesqueiro, ela é a ultima plataforma né?

  10. Felipe em janeiro 14th, 2011

    Fala Márcio, blzZ?
    Gostaria de saber quando vc vai organizar um campeonato ?

    desde já ,agradeço
    abs

  11. Raul Lee em janeiro 18th, 2011

    Olá, bela pescaria, mas acho que vocês poderiam colocar fotos dos conjuntos montados, desde a cevadeira até o anzol montado…
    ressaltando, belos peixes esse pesqueiro tem hein?!
    abraços

  12. Vini em março 21st, 2011

    que salchicha que flutua por favor responda


Fatal error: Call to undefined function show_subscription_checkbox() in /home/storage/b/dc/e9/fishingtur/public_html/wp-content/themes/ad-clerum-10/comments.php on line 101
xxxx