Reportagens

FishingTur

Olha aí

Interativos

Anúncios



Pesqueiro Stella – O retorno de nossa equipe neste excelente Pesqueiro

Local: Pesqueiro Stella – Bilac – SP
Data: Dezembro de 2013

Olá amigos leitores,

Neste final de ano decidimos fazer uma pescaria “Bota Fora” para fecharmos o ano de 2013 e após algumas análises um dos pesqueiros escolhido pela Equipe Fishingtur foi o Pesqueiro Stella que fica localizado na cidade de Bilac-SP estando aproximadamente 520 quilômetros de distância da Capital de São Paulo.

Seguimos para essa aventura eu (Silvio Leme), Adimir e o Anderson e saímos de São Paulo na tarde de 25/12/2013, logo após o almoço de Natal e após uma viagem bem tranquila, mas enfrentando muito calor chegamos ao Pesqueiro Stella por volta das 21h00min h., e imediatamente fomos recebidos pelo proprietário Maercio e logo de entrada ele nos recepciona com um belo churrasco.

Após saborearmos as iguarias atreladas a uma boa conversa, seguimos para o lago para iniciarmos a nossa pescaria e lá já estavam os grandes amigos Alessandro e Danilo Iwamoto que são moradores da região. Escolhemos um local e nos instalamos ao centro do Lago e iniciamos a montagem dos equipamentos e nessa aventura os integrantes da Equipe Fishingtur utilizaram para os Redondos varas de 1,90 m até 2,10 m de 30 libras, com carretilhas de perfil baixo comportando um mínimo de 100 metros de linha monofilamento de bitola 0.37/0.40 mm e as tradicionais e consagradas Bóias Barão (Foguete e cevadeira) de 55/65 gramas. Para as Pirararas, utilizamos varas de 60/80 libras de tamanho de 2,10 m até 2,40 m, carretilhas de perfil alto tamanhos 6500/7000 da Abu Garcia e a Penn 209 comportando um mínimo de 100 metros de linha monofilamento de bitola 0.62/0.70 mm e anzóis 7, 8 e 9/0 direto na linha (sem encastoado). Para segurar os gigantes utilizamos os suportes reforçados (também conhecidos como secretários) e o cesto de pesagem da BL PIRARARA.

As iscas mais utilizadas para os redondos foram às novas Antenas das Bóias Barão, o coquinho (no palminho) o “Beijinho” e a ração úmida na pinga nº 32. Os anzóis foram 4/0 haste longa para o “Beijinho” e Chinú nº 7 para ração/coquinho. Para as Pirararas utilizamos como isca a cabeça, guelra de Tilápia, Queijo, Salsicha e o fígado azedo.

Concluímos a montagem dos equipamentos por volta das 23h00min h., e mandamos linha na água e não demorou muito para o equipamento composto com boia Foguete, chicote de 2 metros e “beijinho” como isca tombar e quando confirmei a fisgada, minha nossa!!!…. pesou demais… e o peixe literalmente me tirou para dançar e passear pelo lago. Eu estava com um equipamento para os redondos, mas na ponta da linha tinha absoluta certeza de ser uma das grandes Pirararas que habitam o local e depois de travar uma grande batalha por mais de 15 minutos sai vencedor e a primeira de varias do “Rabo vermeio” estava na foto. No detalhe a forma correta de pesar o peixe com o excelente cesto de pesagem!!!

Pirararas

Pirarara - Silvio Leme

Iniciamos bem e na sequencia o amigo Alessandro Iwamoto engata mais 2 (duas) “pequenas”, mais valentes Pirararas.

Pirarara Alessandro Iwamoto

Pirarara - Alessandro Iwamoto

O amigo Danilo Iwamoto não perde tempo e escuto em um dos cantos do lago ele dizer…!! Aqui também tem…. e acreditem, em menos de 1 hora de pescaria mais uma Pirarara chega em nossos braços, essa capturada na isca de fígado de boi azedo!!!

Pirarara Fishingtur

Pirarara - Danilo Iwamoto

A noite estava com temperatura agradável e propicia para captura dos redondos (Pacu, Tamabacus e Tambaquis), mas eles estavam “quietos” não atacavam as nossas iscas, mas as Pirararas, minha nossa….. não davam trégua e mais um exemplar de respeito foi capturado pelo amigo Alessandro Iwamoto.

Fishingtur

Pirarara - Alessandro Iwamoto

Após a soltura deste peixe, ficamos por ali, na beira do lago conversando e colocando o papo em dia e de repente mais um “cantar” de carretilha e era a vez de uma Penn 209 dos amigos da Penn Raíba Carretilha mostrar serviço e não demorou muito eu tinha nos braços mais uma das grandes que habitam o lago do Pesqueiro Stella. Não costumo pesar os peixes, mas, essa foi para o excelente saco de pesagem produzido e distribuídos pelos amigos da BLPirarara e teve exatos 27 kg. Show demais!!!

isca: Beijinho

Pirarara - Silvio Leme

Estávamos muito cansados da viagem, mas antes de nos decidirmos pelo um breve descanso o amigo Adimir, engata mais uma bela Pirarara para fechamos essa noite/madrugada!!!

Isca: Guelra

Pirarara - Adimir

Um breve descanso e iniciamos a pescaria ao clarear do dia e quando esperávamos pelos primeiros redondos, o que aparece!?!?!… Claro, mais uma Pirarara e essa capturada pelo amigo Anderson. Kd os Redondos amigos???

Pesqueiro Stella

Pirarara - Anderson

Não desistimos e como na superfície os redondos estavam bem manhosos, não tive duvidas e mudei para o “palmimho” e como isca a ração úmida na pinga e com essa modalidade não demorou muito para um peixe De Qualidade levar tudo para as profundezas e depois de uma “boa briga” um lindo verdão (Tambaqui) vem para os braços da equipe Fishingtur. Aí sim, agora ficou show!!!

Verdão!!!

Tambaqui (Verdão) - Silvio Leme

A partir daí “porteira aberta” e muitos peixes começaram a ser capturados no Pesqueiro Stella, confiram alguns nas fotos abaixo:

Rendondos e Pirararas

Olhem aí que belos peixes

Eu continuei no esquema do “palmimho” e novamente verdão na linha e na foto. Demais de bom!!!

Pesqueiro Stella

Tambaqui - Silvio Leme

Durante a manhã chegou mais 2 grandes amigos, o Rogerio Rodrigues e o Emerson e assim, estávamos com o time completo e de time completo amigos… minha nossa, muito peixe!!!

Tambacus

Fishingtur - Redondos de respeito

De tanto tentarmos o Anderson encontrou a isca “matadeira” (coquinho com 40 centímetros de profundidade) e aí “pau no gato” e até um bonito “escurão” deu colinho!!!

Redondos no Stella

Equipe Fishingtur - Redondos na Foto

Por volta das 13h00min h., decidimos finalmente ir almoçar e claro uma boa comida caseira esperava por nós. Confiram nas fotos abaixo, esse Pesqueiro Stella é o estado da arte!!!

Almoço de qualidade

Excelente refeição - Pesqueiro Stella

Após esse excelente almoço, aproveitamos para um breve descanso e no retorno, os redondos estavam alucinados e aí amigos, é com a gente mesmo!!! Muitos peixes fisgados e aproveitamos para uma foto com o Maercio proprietário do local juntamente com o amigo Alessandro. Vejam abaixo a quantidade de bons peixes:

Redondos de qualidade

Muitos, mais muitos redondos na ponta da linha

Durante a tarde os redondos não deram trégua e mandávamos contra-ataque neles!!!

Redondos

Tambacus com dubles - Equipe Fishintur

Finalzinho de tarde é lá vamos nós de novo!!!

Pesqueiro Stella

Tambacus - Silvio Leme e Rogerio Rodrigues

Inicio da noite e o Anderson isca uma salsicha e lança a não mais de 3 metros da margem e após uns 15 minutos o caantaaaaa carretilha…. Fisgada confirmada, peixe bom na ponta da linha e após uns 10 minutos a bruta vem literalmente para os braços de nossa equipe. Era festa no Pesqueiro e nossa despedida desse excelente e hospitaleiro local digno de nota 10!!!

Pirarara

Pirarara - Anderson

Após a soltura dessa “laranjona” iniciamos a desmontagem do nosso acampamento e na manhã seguinte partimos já com saudades desse local que certamente muito em breve terá uma nova visita de nossa equipe. Aos amigos que gostam de uma pescaria hibrida (Redondos e Pirararas) de bom porte e um local rústico (mais muito acolhedor) fica a nossa recomendação para visitarem o Pesqueiro Stella, que agora já está com os excelentes chalés prontos para receber o amigo pescador e sua família.

Olha só que interessamte: Conseguimos a proeza e tivemos a felicidade de fisgar o que acreditamos ser a mesma Pirarara em 2 dias (noites) seguidas…. O Danilo, um dos amigos que estavam com a Equipe Fishingtur nessa aventura já havia “cantado a bola” logo que essa “laranjona” retornou aos nossos braços, visto que, mesmo utilizando anzol sem farpa, tinha uma marca de fisgada recente. Isso é Pesca Esportiva…..

Outro ponto interessante, é que, na primeira noite essa Pirarara foi fisgada com boia foguete e chicote de 2 metros no meio do lago e como isca o tradicional “beijinho” e na segunda noite foi capturada com a isca de salsicha 3 metros da margem. Segue as duas fotos da Pirarara.

Pirarara

Pirarara Silvio e Anderson

E para finalizar, não deixem de acompanhar as nossas reportagens e aguardem as novidades!!! Estamos preparando muitas matérias e algumas em locais ainda não divulgados na mídia e adianto que tem muitos peixes grande na ponta da linha.

Gostaríamos de deixar um grande abraço a todos os amigos pescadores e leitores do site Fishingtur, aos funcionários do Pesqueiro Stella e um abraço especial ao Maércio, e também aos irmãos Alessandro e Danilo Iwamoto pela simpatia e atendimento fornecido para nossa equipe e pela confiança em nosso trabalho.

Deixamos o canal abaixo para duvidas, criticas sugestões e/ou necessidades de demais esclarecimentos.

Silvio Leme
Equipe Fishingtur


Fotos:  Silvio Leme, Anderson, Adimir, Rogerio, Emerson, Danilo e Alessandro.
Texto: Silvio Leme

AGRADECIMENTOS

Pesqueiro Stella
Fone (18) 99744-3836 com Maércio

Bóias Barão
www.boiasbarao.com.br

Massas Paturi
www.massaspaturi.com.br

Império da Pesca
www.imperiodapesca.com.br

Abu Garcia
www.abugarciabrasil.com.br

Berkley
www.berkleypesca.com.br

Shakespeare
www.shakespearebrasil.com.br

Penn-Raíba Carretilhas

http://www.pennraibacarretilhas.blogspot.com.b

Fishing Master
www.fishingmaster.com.br
.
.
.


Gostaria de receber as matérias por e-mail? Cadastre-se aqui!

6 Comentários

  1. wellington em janeiro 29th, 2014

    Bela pescaria, pretendo ir conhecer esse pesqueiro no carnaval… Fiquei com uma duvida como ou oque seria esse esquema palminho? Obrigado.

  2. Ricardo Massaro em janeiro 30th, 2014

    Bom D++++! Belos Peixes! Abs!

  3. Leandro em janeiro 30th, 2014

    Nossa em Silvio,show de bola essa pescaria, so de ver esses tambaqui ja fico doido pra pescar !!! parabéns

  4. Gustavo em janeiro 30th, 2014

    Dá uma olhada pessoal? Será que vamos perder a opção de ir lá e pescar somente?

    O fishingtur fez altas matérias bacanas lá na fazenda pacu. abs

  5. Jose Levy em janeiro 30th, 2014

    É. ..nao vai ter outra maneira vou ter que ir a SP. Show galera e Silvio vc é meu ídolo.

  6. Silvio Fishingtur em janeiro 30th, 2014

    Obrigado amigo pelos comentários e elogios…. Wellington, esse esquema do Palminho é composto por boia cevadeira, chicote de 3 metros, boia guia e 30 cm abaixo (um palmo) anzol chinu nº7 com a ração úmida na pinga/coquinho. É fatal quando os peixes estão manhosos na superfície….

    Espero ter ajudado, qq coisa estamos por aqui..

    Abs,
    Silvio.


Fatal error: Call to undefined function show_subscription_checkbox() in /home/storage/b/dc/e9/fishingtur/public_html/wp-content/themes/ad-clerum-10/comments.php on line 101
xxxx