Reportagens

FishingTur

Olha aí

Interativos

Anúncios


Thermas Park – Um clube de pesca com muita beleza e muitos peixes em Goiás

Pesqueiro: Thermas Park, em Rio Verde-Go
Data: Setembro de 2009

Pescadores e Internautas,

Este fim de semana fui conhecer o Pesqueiro Thermas Park, na cidade de Rio Verde-Go.

Como chegar:

A partir do centro de Rio Verde, siga pela Av. Presidente Vargas, vire na rua 13 e vá até a Av. Pauzanes de Carvalho, seguindo até a saída para Montividiu.  Após o posto Abobrão, vire a esquerda no Painel luminoso do Thermas Park e siga nesta rua até o final. Está localizado a aproximadamente 02 kilômetros do centro de Rio Verde.

Thermas Park – Pesca, lazer e ecologia.

 

Ao chegar ao clube, fiquei impressionado com o contraste, onde, de um lado está a diversidade ecológica oferecida pelo complexo de lazer e de outro a crescente industrialização e aceleração do agronegócio de Rio Verde.

 

Entrada - Thermas Park

Entrada - Thermas Park

 

Thermas Park

Thermas Park

 

Thermas Park

Thermas Park

 

O Thermas Park e Silvestre Park Eco Resort é um pesqueiro diferente. Na verdade a pesca esportiva é somente uma das atividades em que o pescador e sua família podem desfrutar dentro do complexo ecológico de lazer.

 

Outras atividades como passeios de pedalinho, trenzinho, a cavalo ou de búfalo, caminhada pelo Circuito Ambiental com 70 cenários sobre o meio ambiente, Eco Safari com mais de 150 animais de 29 espécies, Parque Aquático com piscinas e shows de música ao vivo.

 

Conta ainda com dois Salões de Eventos, um com capacidade para 1000 pessoas e um segundo Salão com capacidade para 400 pessoas.

 

Faremos futuramente uma matéria completa de turismo, com destaque ao passeio ecológico e mostrando em detalhes as outras opções de lazer do complexo ecológico.

 

Lago Esportivo

Lago Esportivo

 

Lago Esportivo

Lago Esportivo

 

Thermas Park

Thermas Park

 

Thermas Park

Thermas Park

 

Ao final da reportagem tem algumas fotos cedidas pelo Clube.

 

Pescaria

 

O Pesqueiro possui grandes tambacús e tambaquis, alguns com mais de 35 kilos, além de pintados que ultrapassam 25 kilos. Conseguimos fotografar alguns deles de cima da ponte, que é suspensa por cabos de aço.

 

Ponte Suspensa

Ponte Suspensa

 

Tambacus e tambaquis

Tambacus e tambaquis

 

Redondos

Redondos

 

Ficamos sabendo que a administração do pesqueiro pretende colocar futuramente mais peixes em seus lagos, e ampliar a diversidade de peixes.

 

Para esta pescaria levamos algumas iscas: mortadela, massinha caseira de farinha de trigo, pão adormecido, ração molhada na pinga evas e miçangas.

 

Montamos um equipamento para o fundo com mortadela de isca e outro com a cevadeira e ração como isca.

 

Equipamento utilizado

 

Vara Alttheza IV – 6’6, 1,93m – 15/30lbs, Carretilha Brisa GTO 8000 com linha mono Spider Mazzaferro 0,40mm. Bóia Barão com chicote de uns 1,50m a 02m com linha Equilon 0,50. Boinha zero ou evas a um palmo do anzol (anzol caranheiro 2/0).

 

Vara Oscar da Ottoni – 1,80m – 15/30lbs, Carretilha Titan 4000 com linha mono Camonline 0,40mm 40lbs. Chicote com linha multifilamento 0.35 (anzol wide gape 3/0).

Logo apareceu o primeiro pintadinho, atrás do pedaço de mortadela de isca.

 

Pintadinho

Pintadinho

 

Em seguida outro guloso, que foi para foto.

 

Pintadinho

Pintadinho

 

O pescador do lado pegou um belo dourado, com salsicha de fundo.

 

Dourado

Dourado

 

Outro pintadinho apareceu pra comer a isca de mortadela.

 

Pintadinho

Pintadinho

 

Uma matrinxa foi fisgada por outro pescador, que segurou o peixe com o alicate. Neste pesqueiro é permitido pela administração o uso de elicate de contenção em peixes pequenos.

 

Matrinxã

Matrinxã

 

Interrompemos a pescaria e fomos tirar mais fotos do local.

 

No outro dia, recomeçamos a pescaria por volta de 11 horas da manha.

 

Vários gansos curiosos vieram nos visitar e mostrar sua beleza.

 

Gansos

Gansos

 

Gansos

Gansos

 

Com a cevadeira e ração como isca, fisguei uma bela matrinxã.

 

Matrinxã

Matrinxã

 

E depois outra. Elas são muito espertas e chegam na ração muito antes dos tambas.

 

Matrinxã

Matrinxã

 

Foram várias matrinxãs, era soltar uma e fisgar outra. Nem me preocupei em fotografar.

 

Matrinxã

Matrinxã

 

Foi então que uma surpresa em meio as matrinxans, minha bóia afundou de uma vez, e um rebojo diferente surgiu no meio do lago. Após a fisgada senti o peso e a corrida era diferente. Imaginava ser um tambacú. E era mesmo. Depois de alguns minutos de resistência, eu trouxe para fora da água um belo tambacú, muito forte e valente. “Seguura Peixão”.

 

Tambacu

Tambacu

 

Tambacu

Tambacu

 

 

O pescador ao lado pegou outro belo exemplar te tambacú.

 

Tambacu

Tambacu

 

E no final do dia eu ainda pesquei um outro pintadinho.

 

Pintadinho

Pintadinho

 
Fotos cedidas pelo clube

 

Foto Aérea

Foto Aérea

 

Chalé

Chalé

 

Hotel

Hotel

 

Parque Aquático

Parque Aquático

 

Piscinas

Piscinas

 

Piscinas

Piscinas

 

Quarto

Quarto

 

Salão de Festas

Salão de Festas

 

Assista ao vídeo e deixe seu comentário ao final da matéria.

Vídeo

 
Thermas Park

 

E foi isso, finalizamos a pesc
aria e voltaremos em outra oportunidade, desta vez para buscar os grandes tambas deste pesqueiro, que desta vez não saíram.

 

 Até mais, amigos pescadores e

 

“Seeguuuuraaa Peeexxxxãããoooo”!!!

 

 
 

Agradecimentos:

 

Thermas Park – Pesca, lazer e ecologia.
Av. Thermas Park s/n, GO-174 Km 01, saída para Montividiu, Rio Verde-Go.
(64) 3621-0015 – (64) 3621-0907
http://www.thermaspark.com.br/

Bóias Barão
www.boiasbarao.com.br

Massas Paturi
www.massaspaturi.com.br

Net Pesca
www.netpesca.com.br

Estaleiro Malloy
www.malloy.com.br

Add to Del.cio.us RSS Feed Add to Technorati Favorites Stumble It!
   www.sajithmr.com

Bookmark bookmark bookmark bookmark bookmark bookmark

Share This Post


Gostaria de receber as matérias por e-mail? Cadastre-se aqui!

8 Comentários

  1. Rômulo em setembro 21st, 2009

    Grande Eduardo, bela pescaria, boa infraestrutura ai em ¬¬, os peixes parece que deixam a desejar ou não ??
    T+

  2. Andre em setembro 21st, 2009

    Belíssimo lugar… e com bons peixes.

    parabéns.

  3. Zélis Pereira em outubro 2nd, 2009

    Gostaria de receber informações de como chegar no Clube Thermas Park.
    Grato.

  4. Eduardo Caldas em outubro 3rd, 2009

    Amigo Zelis,

    No inicio da reportagem tem os detalhes de como chegar. Fica na cidade de Rio Verde-Go.

    Apartir da Av. Presidente Vargas, a principal da cidade, vire a esquerda no sinal depois do shopping, siga ate a saida para Montividiu.

    Abs,
    Edu.

  5. Alan em dezembro 8th, 2009

    Lugar excelente, bons peixes e uma infra-estrutura perfeita. Pena que é muito longe daqui onde moro.

    Parabens

  6. patricia em janeiro 26th, 2012

    Gostaria de saber como faço para pegar um chale, sou do thermas, posso levar mas pessoas e paga como.?? me responda urgente quero ficar ai no carnaval.
    obrigada.
    patricia

  7. Vanuza de Abreu em setembro 11th, 2013

    Pena que não atendem telefone e perdem reservas.

  8. José Levy em outubro 1st, 2013

    Bem, eu ao contrário do que falou a Vanuza, liguei aqui do RJ e fui muito bem atentido pelo Neilson, que me atentendeu com toda cordialidade, me tirando todas as dúvidas e me enviando o vaucher logo que confirmou o recebimento do depósito. Espero que o lugar seja tão bom quanto ao atendimento.


xxxx