Pesqueiro Taquari – Fim do inverno com muitos peixes


Local: Centro de Pesca Taquari – São Roque – SP Data: Setembro / 2007

Olá Amigos

Ultima semana de inverno e nossa equipe passou uma noite recheada de surpresas no pesqueiro taquari.

Logo no início da noite, estava tudo muito parado. Uma noite quente e de poucas fisgadas. As 23h uma mudança brusca no tempo, trouxe um vento muito forte a ponto de não conseguir deixar as linhas esticadas e chuviscos também. O fato curioso é que com essa mudança de tempo os peixes começaram a atacar as iscas.

Durante a ventania mesmo uma matrinxã com mais de 3kg fez a alegria. Eu que até então não tinha fisgado nada, fiquei todo feliz. rsrsrrsrsrsrs

Logo em seguida eu fisguei outro de fundo e praticamente junto o Felipe fisgou outro. Dois belos Tambas pra foto.

Mais uma vez a massa usada foi a Carnívoros da Farofa do Carlão, Só que dessa vez usei essência de queijo e Farinha de peixe. Todos os peixes foram fisgados de fundo com essa massa.

Fisgamos muitos tambas entre 5 a 8kg. Há muito tempo que a média de tamanhos na mesma pescaria não era boa assim. Realmente essa próxima temporada promete aqui no Taquari.

A 00:15h eu estava com um Tamba de 8kg, o Sr. Adimir estava tirando a foto, quando o Felipe saiu correndo. Uma das varas estava quase indo pra água. Ele brigou com o peixe enquanto nós estávamos soltando o outro tamba. Eu comecei a arrumar o equipamento pra arremessar de novo e o Adimir continuou a briga do Felipe. Logo depois eu tomei a frente e travei uma briga fora do comum. Literalmente um peixe fisgado pela equipe.

Foram mais de 25 minutos de briga. Eu estava com um molinete com 100mts de linha 0,40mm e quase que ele levou tudo. Fiquei no máximo com 5 metros de linha no molinete. Foi loucura.

Aí galera, reparem nas fotos acima o meu dedo todo ensanguentado. Isso serve como um toque pra todo mundo, sempre tomar muito cuidado ao manusear qualquer tipo de peixe, principalmente os de grande porte.

Ao tirar o peixe da água, coloquei-o na grama. Mas ao começar a se debater, eu fui com uma mão apoiar o rabo dele e com a outra fui segurar perto da cabeça, simplesmente pra ele não se bater. Mas a força do bicho é tanta que meu dedo foi parar na boca dele. Senti um leve beliscão, mas como a adrenalina estava lá em cima, não senti mais nada a princípio.

Segurei o peixe e tirei as fotos e foi aí que comecei a sentir meu dedo queimando. Soltei o peixe e vi minha mão toda cheia de sangue.

Deixei a pescaria por uns 30 minutinhos, peguei minha maletinha de primeiros socorros, a qual todo pescador deveria ter e fiz os curativos. A mordida do bicho foi profunda. Furou de um lado e rasgou o outro lado do dedo. Faltou muito pouco pra não ter que levar pontos. Imaginem se eu não tivesse esses primeiros socorros ali durante a noite. Seria impossível continuar a pescaria.

Até mesmo as cacharas estavam atacando bem na massa de fundo. Montamos todos equipamentos do jeito mais básico, com o chumbo solto antes do chicote. Anzol Chinú n. 9 e 2/0.

A princípio não pensávamos que a noite seria tão produtiva assim. Não dava tempo de sentar nem 5 minutos que já tinha vara puxando.

Os Tambas estavam manhosos. As vezes quase levavam a vara embora, mas a maioria apenas ficava beliscando bem de leve. Se vc não ficasse com a vara na mão pra fisgar, vc perdia o peixe.

Por causa do vento, o Felipe recolheu a bóia com salsicha flutuando e deixou bem encostada na margem. Do nada a bóia começou e ir embora e ele fisgou um belo Trairão.

As 4h da manha novamente o Felipe estava brigando com um Tamba e eu fisguei outro e minutos depois o Adimir fisgou um terceiro. Era comum durante a noite fisgar vários peixes ao mesmo tempo.

Usamos 6 pacotes de massa Carnívoros, 1kg de ração de peixe e 250ml de essência de queijo. Há muito tempo que não fazia uma pescaria com tantos Tambacus grandes assim.

Uma matéria excepcional, com peixes ótimos. Uma noite quente, apesar do vento, mas com resultados mais que satisfatórios.

Gostaria de agradecer ao André pela pescaria, ao Zé e toda a rapaziada do pesqueiro e lembrar que já está nas bancas a Revista Pescador desse mês com uma ótima matéria sobre o Taquari.

Assista agora aos vídeos dessa pescaria e veja as brigas com os gigantes do Taquari.

Abraços e boas pescarias

Marcio David

AGRADECIMENTOS

Centro de Pesca Taquari Estrada do Sorocamirim. Acesso pelo km 58,5 da Rod. Raposo Tavares.

#taquari #fishingtur #pescarianoturna #tambacugigante #massadepesca #salsichaflutuando #pescaria

0 visualização
Carretilhas de Pesca Penn
Contato Fishingtur

Parceiros

bruta.png
Lumis.png
Enz Miçangas e evas
LogoSimon.png
girls fishing lovers.png
Logo.png
universo da pesca.png
Oculos Matuto.png
ESTILO GOIANO.png
go pro 1.png
massa paturi.png
boias de pesca, boia cevadira, boia torpedo
Logo Completo Colorido recorte.png

O maior portal de Pesca e Turismo do Brasil

Logo Step quadrado Tranparencia.png

Step'lc Confecções

Rua Nova Cidade - Vila Olímpia - São Paulo - SP

273.441.558-50

fishingturpesca@gmail.com

Prazo de Entrega da Loja de 10 a 14 dias úteis

Fishingtur Pesca e Turismo 2007