Pesqueiro Fantasma - Uma ótima novidade no Fishingtur


Pesqueiro Fantasma – Fishingtur desvendando os mistérios deste ótimo pesqueiro

Local: Pesqueiro Fantasma - Tietê – SP Data: 02 de Abril de 2011

Novidades no Fishingtur em Primeira Mão !!!

Olá Amigos

Depois de muito tempo, a Equipe Fishingtur desvendou os mistérios de um ótimo pesqueiro no interior de São Paulo, o qual sempre ofereceu uma boa oportunidade de pesca para poucos pescadores que até então, preferem pescar sozinhos do que passar as informações aos amigos e leitores.

Mas como o papel do Fishingtur é divulgar e promover a pesca esportiva, descobrimos este maravilhoso pesqueiro e agora o amigo leitor vai poder também fazer uma ótima pescaria.

Nossa equipe conseguiu desvendar o misterioso PESQUEIRO FANTASMA, localizado na cidade de Tietê, a aproximadamente 150km da capital. Seguimos pela Rodovia Castelo Branco até o Km 99-A e depois continuamos por 13 km até a Rodovia Marechal Rondon onde seguimos até o Km 159-A. Nessa estrada percorremos alguns kilometros até a cidade de Tietê, seguindo por mais 8km de estrada de terra.

Em nossa próxima visita ao pesqueiro vou detalhar todo o trajeto para vocês.

Agradecemos antecipadamente a recepção feita pelo proprietário, o Sr. Aderbal a nossa equipe.

Ao chegar ao pesqueiro, ainda no estacionamento, no alto do morro, já pudemos avistar o grande lago. Um lugar bem simples, muito simples mesmo. Descemos com toda a tralha em punho até o lago e logo o dono já estava abrindo o portão.

As 7h estávamos sozinhos no pesqueiro, fato raro entre os pesqueiros mais conhecidos hoje em dia.

O lago tem um formato irregular, tendo apenas 2 dos 4 lados para se pescar, o restante das margens é rodeado pelo bambuzal ou pela mata que cerca a parte do fundo do lago. Sua margem é gramada com alguns quiosques.

Pesqueiro Fantasma

Este lago na verdade é bem maior, mas metade dele é de propriedade do vizinho e o lago foi dividido ao meio com telas e os bambus, como você pode ver abaixo.

Tivemos informações que neste lago tem peixes como pintados, tambaquis e tambacus acima dos 35kg que estão aqui a mais de 22 anos. A alimentação dos peixes sempre foi feita com restos de frutas, carnes e frangos. O pesqueiro trabalha com uma granja em que os frangos descartados ou mortos são enviados ao pesqueiro para alimentação dos peixes. Este é o motivo de tantos peixes grandes e fortes neste lago. E aproveitando, a isca principal por aqui é nada mais, nada menos que o frango.

Assim que você chega o proprietário pega 2 frangos que já estão MORTOS, e com um maçarico ele literalmente tosta as aves e depois é só você usar partes como cabeça, pescoço, pés, e todas as outras partes e mandar para a água. Este é o cardápio principal dos grandes redondos.

No início do dia, perdemos muitos peixes com os pedaços de frango, ora escapavam, ora cortavam a linha 0,60 com anzol 5/0. A fama deste pesqueiro é a agressividade dos grandes tambas e o que sempre ouvimos é que aqui o peixe não comia ração, mas como somos teimosos, o Silvio começou a cevar e depois de umas 10 copadas, os peixes começaram a subir para comer. Sem pensar, o Tico já montou um chicote com miçanga e eva’s e mandou para a aguá. Nos primeiros arremessos ficamos surpresos com a grande explosão e a fisgada certeira. Mesmo sem acreditar, assistimos a fantástica briga com o primeiro grande Tambaqui do dia e o melhor, na cevadeira.

Eu montei um torpedo com chicote de 1 mt com uma ração na pinga e arremessei bem perto dos bambus e rapidamente a bóia desceu e eu fisguei. Uma briga de gente grande e mais um grande redondo na foto.

Nos eva’s, o Rogério engatou outro Tambaqui. Pense em um peixe brigador e com muita resistencia. É isso que você vai encontrar por aqui.

Com o sol forte, um grande Tambacu resolveu passear pelo lago, mas o detalhe é que ele passeava com metade do lombo fora da água. Aparentemente era um tamba acima dos 25kg. Segue as fotos.

Não tinhamos esperança em pescar com a cevadeira aqui no Pesqueiro Fantasma, pensávamos que só o frango é que seria nossa isca, mas a bóia cevadeira teve ótimos resultados.

Entre os peixes grandes, fisgamos dezenas de pequenos tambas, que atacavam o eva, o pão, ração, salsicha e até no frango.

O Silvio que até então estava só batendo papo e preparando o nosso churrasco, pescou um pouco e engatou outro legítimo Tambaqui nos eva’s.

O Pesqueiro Fantasma trabalha apenas com bebidas e o pescador fica livre para trazer seu lanche ou fazer um churrasco. Nesta pescaria o nosso churrasco ficou por conta de nosso amigo Silvio. Um ótimo Churrasco por sinal, com muita carne e peixe na linha o tempo todo.

Na parte da tarde os peixes ficaram ainda mais ativos, fisgamos mais exemplares na Bóia Cevadeira e eva’s, e outros nos pedaços de frango, isso sem falar em algun bons exemplares que escaparam. Uma ótima pescaria com muita ação e muita força.

Reparem que os Tambaquis aqui no Fantasma são bem mais claros, deixando o tradicional verde para um tom dourado.